segunda-feira, 6 de junho de 2011

Dizer o amor






"Se você ama, diga que ama. Não tem essa de não precisar dizer porque o outro já sabe. Se sabe, maravilha, mas esse é um conhecimento que nunca está concluído. Pede inúmeras e ternas atualizações. Economizar amor é avareza. Coisa de quem funciona na frequência da escassez. De quem tem medo de gastar sentimento e lhe faltar depois. É terrível viver contando moedinhas de afeto. Há amor suficiente. Há amor para todo mundo. Há amor para quem quer se conectar com ele. Não perdemos quando damos: ganhamos junto. Quanto mais a gente faz o amor circular, mas amor a gente tem. Não é lorota. Basta sentir nas interações do dia-a-dia, esse nosso caderno de exercícios.

Se você ama, diga que ama. A gente pode sentir que é amado, mas sempre gosta de ouvir e ouvir e ouvir. É música de qualidade. Tão melodiosa, que muitas vezes, mesmo sem conseguir externar, sentimos uma vontade imensa de pedir: diz de novo? Dizer não dói, não arranca pedaço, requer poucas palavras e pode caber no intervalo entre uma inspiração e outra, sem brecha para se encontrar esconderijo na justificativa de falta de tempo. Sim, dizer, em alguns casos, pode exigir entendimentos prévios com o orgulho, com a bobagem do só-digo-se-o-outro-disser, com a coragem de dissolver uma camada e outra dessas defesas que a gente cria ao longo do caminho e quando percebe mais parecem uma muralha. Essas coisas que, no fim das contas, só servem para nos afastar da vida. De nós mesmos. Do amor.

Se você ama, diga que ama. Diga o seu conforto por saber que aquela vida e a sua vida se olham amorosamente e têm um lugar de encontro. Diga a sua gratidão. O seu contentamento. A festa que acontece em você toda vez que lembra que o outro existe. E se for muito difícil dizer com palavras, diga de outras maneiras que também possam ser ouvidas. Prepare surpresas. Borde delicadezas no tecido às vezes áspero das horas. Reinaugure gestos de companheirismo. Mas, não deixe para depois. Depois é um tempo sempre duvidoso. Depois é distante daqui. Depois é sei lá".
(Ana Jácomo) 





10 comentários:

Ma Ferreira disse...

Querida Lena. Eu te amo!
Não porque o texto sugerE que eu diga, amo voCê assim, dE graça.
Pela pessoa MARAVILHOSA que você é, pela amiGa sempre presente, pela sua sensibilidade, generoside,
E por tantas outras coisas.
Tem pessoas que simplesmente são especiais. Nem precisam fazer força para isso.
Vocé uma dessas pessoas. Que cativam.. sem muito precisar fazer.
Por isso..digo e repito: EU TE AMO!

Obrigada por ser minha amiga, por estar sempre por perto..mesmo que este perto seja virtual. Mas o que importa é o que sentimos em nossos corações.
Desejo a voCe uma semana de paz!!

Um bj,

Ma, sua amiga!

ValeriaC disse...

Que texto mais precioso voce escolheu minha querida Lena...
Concordo plenamente...se ama, diz...sem economia, sempre.... faz bem pra alma dizer e ouvir...
Beijos e linda semana amiga...
Valéria

Meire disse...

Ah minha estrelinha, vamos lá, vou praticar os ensinamentos da Ana Jácomo como a fofa da Ma fez rsrs E digo de todo coração (tenho a impressão que não são meus dedos que digitam nesse note, é meu coração, se eu já falei isso vale a pena ler de novo rsrs) Te admiro muito. Sou imensamente grata a ti por cada palavra de carinho que me escreve, por cada gesto por menor que seja que sempre enche o meu core de vida, de alegria. Tem certas pessoas que ajudam a florescer em nós algo que não sabíamos ou nem lembrávamos que estava ali! Te amo!!!! Vc é uma coisa linda que faz bem a todos que cruzam seu caminho (virtual e tenho certeza que fora dele tbm).
bjos com carinho.

Jorge (Nectan) disse...

Depois pode ser tarde....
Linda mensagem!!!!

Um beijo, Coração!!!

Célia Gil, narciso silvestre disse...

Um texto muito pertinente e interessante. Realmente, às vezes, a passagem dos dias, o comodismo, levam-nos a esquecer o que é fundamental: reforçar todos os dias o amor, nem que seja com um simples "Amo-te". Bjs

Tarsila Aroucha disse...

é preciso ouvir e escutar tbm, ana jacomo sempre tem palavras lindas.. lindo blog!

bom começo de semana

angela disse...

Concordo plenamente que devemos declarar o amor mesmo quando ele não é correspondido, ao menos uma vez o outro tem que saber que é amado.
beijo

Paty Michele disse...

Assim como gostamos de ouvir, deveríamos gostar de dizer e dizer mais.

abçs, Lena

Adilson - Rio de Janeiro - Brazil disse...

Gostei muito ...pbens pelo bom gosto e pela escolha dos textos ... abçs

Anônimo disse...

hey there alemdasnuvens2011.blogspot.com owner found your blog via yahoo but it was hard to find and I see you could have more visitors because there are not so many comments yet. I have discovered website which offer to dramatically increase traffic to your site http://xrumerservice.org they claim they managed to get close to 1000 visitors/day using their services you could also get lot more targeted traffic from search engines as you have now. I used their services and got significantly more visitors to my site. Hope this helps :) They offer best backlinks Take care. Jason