domingo, 3 de abril de 2011

O amor é um dilema





"Um sopro no coração que aquece a alma, e nos faz perder toda a razão.
Uma calmaria, em meio toda essa tempestade da vida.
Um leve friozinho na barriga, um desejo que toma conta do nosso ser.
Uma chama ardente de prazer.

...
O amor é a busca do incansável do nosso ser.
O corpo que não mente ao que sente a se aquecer.
É o encontro de duas vidas, que se formam uma só.

Amor não se explica, ele simplesmente acontece.
Vem de mansinho e quando chega marca presença.
O amor não passa despercebido.

O amor é um dilema, mais intenso, puro e verdadeiro.
E vale sempre a pena vivê-lo".


(Julliany Kotona)


9 comentários:

✿ chica disse...

Vale mesmo sempre a pena! Lindo! Ótimo domingo!beijos,chica

manuel marques disse...

Sou daqueles que penso que a palavra "amor" e "dilema" deveriam ser uma só...

Bom domingo.

Beijo.

Zé Carlos disse...

Lena linda, o amor é auto-explicável, não tente fazer por ele pois jamais conseguirá.

Um domingo lindo, um beijo enorrme do seu amigo, Zé

Julliany kotona disse...

Amiga que lindo,fiquei emocionada quando vi.ain amor obrigado que gesto lindo de carinho,sou tão grata pela tua amizade,Obrigada florzinha,ter te conhecido foi um presente para mim. Um bejoooo amigaaaa te amo muitooooo <3

Kátia Tourinho disse...

Amiga, que lindo!
O amor é realmente o sentimento que mais inspira. É tudo isso e muito mais!

Um excelente domingo, repleto de amor!

Bjs de luz

Jorge disse...

Sem dúvida, amar, posso assim dizer, é a própria vida. Pois Deus é Amor!!!

Anjo amiga, beijo no coração e uma excelente semana!!!

Lilá(s) disse...

O amor é tudo isso, e viver sem ele é difícil.
Bjs

Claúdia Luz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kiro Menezes disse...

Uau... A Jú é uma rosa branca entre rosas vermelhas: Destaque!!! Total... Lindo Lena, querida!

Vc tem lábio de colibri para sorver o mel das poesias... ♥